sexta-feira, 28 de abril de 2017

Manifestantes tomam as ruas em Senhor do Bonfim




A sexta-feira (28) iniciou com protestos em Senhor do Bonfim. Movimentos sindicais, trabalhadores, Políticos  e estudantes se concentraram desde às  8h30min na Praça Juracy Magalhães, em frente da Prefeitura Municipal para protestar contra a reforma trabalhista. Em Senhor do Bonfim movimento seguiram por toda manhã pelas principais ruas da cidade. Movimentos como estes, ocorreram hoje em todo o país.

Com faixas e cartazes o movimento seguiram em passeata em direção ao centro  comercial, onde se direcionaram aos estabelecimentos comerciais  com palavras de ordem,  exigindo  o fechamento das portas-  Fechem  as portas! Fechem as portas!  exigimos  que o trabalhador participem   da paralização   - gritavam os manifestantes. Mesmo com orientação  de greve Geral, realizada  em todo Brasil, a Câmara  de Dirigentes Logistas de Senhor do Bonfim,  (CDL) anunciou que as Lojas iriam permanecer funcionando  normalmente exercendo  o direito de livre comércio . Além de fechar o Centro comercial de Senhor do Bonfim,  os manifestantes seguiram para as agências Bancárias onde impediram  os Bancos de Funcionar. As lojas que abriram na manhã desta sexta- feira  (28) algumas  fecharam as portas e dispersaram  os funcionários,  exemplos como , Center  Móveis e Eletros, Mester Magazine, Cesta do Povo,  Papelaria  Gbarbosa  e Ótica  Diniz.  De acordo com os manifestantes as reformas devem ser extintas. Eles alegam que a reforma da Previdência, por exemplo, é um desmonte da Previdência pública, além disso, ela não é deficitária como o governo afirma. “Quem ganhará com essas medidas são os banqueiros. A previdência não está quebrada, o que quebra um país é a precarização do trabalho, a falta de competitividade e a má distribuição de renda. O governo e seus aliados não discutiram a medida com a sociedade. Eles querem impor”, asseguram os lideres.

Participaram do ato: O Prefeito Carlos Brasileiro, os Vereadores:  Andreilto, Elizeu dos Temperos, Lúcia Cerqueira, Presidente da Câmara de Vereadores;  Ré do Sindicato, Líderes Sindicais, Professores  das Redes Federal, Estadual Municipal e demais pessoas da comunidade.


O evento teve seu encerramento por volta das 12h30, na Praça  Dr. José Gonçalves com o Canto do Hino Nacional.


Nonato  Notícias 

Nenhum comentário:

Postar um comentário