domingo, 28 de maio de 2017

Jaguarari-Ba: Servidores municipais poderão paralisar as suas atividades, caso não recebam o reajuste salarial (reportagem )

Os servidores públicos municipais lotados na Prefeitura e Câmara municipal de Jaguarari, participaram na manhã desta quarta-feira (24/05) de uma Assembleia Geral Extraordinária onde tomaram conhecimento de pontos importantes sobre o andamento da negociação do reajuste salarial e reposição inflacionária por parte da administração pública. Na ocasião a diretoria do SINDSPUJ explanou sobre a frustração, até o momento, provocada pela ausência do cumprimento da Lei da data base, bem como a decepção da entidade com alguns vereadores, que na última quinta-feira (18/05) usaram a Tribuna para tentar imputar adjetivos aos membros da diretoria, assim como atribuir ações negativas ao órgão defensor do funcionalismo. Diante da inobservância  das Leis de reajuste e reposição inflacionária, a assembleia deliberou por fazer três paralisações de advertências, caso não haja o retorno positivo da administração no que se refere ao cumprimento dos direitos do funcionalismo público municipal.
Após as explicações e discussões no Centro Pastoral, pela assembleia, uma caminhada pacífica levou as categorias a culminarem o evento em frente a Prefeitura, local onde a diretoria discorreu as principais informações já aprovadas na assembleia. Confira a íntegra dos pronunciamentos da diretoria do SINDSPUJ:

Fonte: Jaguarari Online 

Nenhum comentário:

Postar um comentário