sábado, 22 de julho de 2017

Filadélfia passa a ser a única cidade da região a ter um Aterro Sanitário em pleno funcionamento



A busca contínua da Prefeitura de Filadélfia pela correta gestão do lixo urbano alcançou mais um importante passo e já está dando grandes resultados. O Aterro Sanitário que há poucos dias estava um verdadeiro lixão, em estado de total abandono, começou hoje (21) as atividades, a área está destinada a receber os resíduos sólidos e foi devidamente planejada, onde o lixo será compactado e coberto por terra, formando diversas camadas, visando reduzir a poluição e os impactos que o lixo provoca na natureza, como por exemplo, o aquecimento global.
“O Aterro Sanitário de Filadélfia, obra executada com recursos próprios do Município, cumpriu todo um processo técnico para que o lixo passe a ser armazenado e não prejudique o Meio Ambiente, além de evitar a proliferação de doenças, mas para que essa importante obra se tornasse realidade foi fundamental o empenho do prefeito Louro Maia, que não tem medido esforços para melhorar cada vez mais a qualidade de vida dos filadelfenses”, afirma o secretário de Administração, João França Barbosa.
Ainda de acordo com França, um ato simbólico ainda ocorrerá oficialmente mostrando os benefícios do Aterro, mas como as atividades de compostagem foram iniciadas hoje, não podia passar em branco e comunicar a população esse importante avanço para o município.
“O lixão era uma séria ameaça para o meio ambiente e para as pessoas, Em 27 de dezembro de 2004, final de uma das minhas gestões como prefeito, inaugurei este mesmo Aterro, e nossa cidade foi citada como exemplo em toda Bahia, infelizmente não foi levado a sério e nunca havia funcionado, ver este Aterro fazendo o seu papel pra mim é uma questão de honra, mas muito mais está por vir, minha missão é trabalhar por uma Filadélfia melhor para se viver”, garante o prefeito Louro Maia.
ASCOM PMF

Nenhum comentário:

Postar um comentário